A Secretaria da Família e Desenvolvimento Social (Seds) em parceria com o Ministério de Desenvolvimento Social (MDS) e a Caixa Econômica Federal realizam capacitação sobre o Sistema do Cadastro Único a partir do dia 23 de Abril. Foto: Rogério Machado/SEDS
Foto: Rogério Machado/SEDS

A Secretaria de Assistência Social está realizando a atualização do Cadastro Único de 3.062 famílias com renda per capta até meio salário mínimo. As famílias beneficiárias dos programas sociais do governo federal devem manter o cadastro atualizado.

Segundo a secretária de Assistência Social, Ângela Pascueto, as pessoas inscritas no Cadastro Único assumem o compromisso de prestar informações verdadeiras e atuais sobre sua família. “Manter o cadastro atualizado é importante porque o governo utiliza esses dados para conhecer melhor as necessidades das famílias e oferecer benefícios e serviços sociais que contribuam para a melhoria de vida de todos”, complementa a secretária. Ângela Pascueto também ressalta que a maioria dos programas sociais que usam o Cadastro Único só concede benefícios para as pessoas que estão com o cadastro atualizado, como é o caso do Programa Bolsa Família e da Tarifa Social de Energia Elétrica.
A atualização dos dados dos beneficiários deve ser feita sempre que houver mudança na situação da família ou, no máximo, a cada dois anos. Para atualizar as famílias devem procurar a unidade do CRAS – Centro de Referência de Assistência Social, mais próxima de sua casa.
O Cadastro Único é uma ferramenta por meio da qual os governos Federal, Estadual e Municipal conseguem  compreender quais são as maiores dificuldades enfrentadas pelas famílias ao longo do território. Este cadastramento visa direcionar os incentivos e os programas sociais da melhor forma possível, objetivando melhorar a condição de vida dos brasileiros.
É através do Cadastro Único que as famílias poderão se inscrever nos programas do Governo Federal como: Bolsa Família, Minha Casa minha Vida, Tarifa Social de Energia Elétrica, entre outros. Além disso, o Cadastro Único também pode ser utilizado para isentar essas famílias de pagamentos das taxas em concursos públicos que são realizados no âmbito do poder Executivo Federal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.