Nesta sexta-feira (16/09) começa a contagem regressiva de mil dias para a abertura da Copa do Mundo da Fifa 2014. Para marcar a data, o Governo do Estado e a Prefeitura de Curitiba promovem uma festividade no Jardim Botânico da capital. A estufa do local será iluminada de verde e amarelo durante a noite e, nos próximos sete dias, o espaço terá cores homenageando os outros países campeões mundiais.

“Mil dias e um grande sonho nos separam da abertura da Copa do Mundo da Fifa de 2014, a saber: a realização de uma Copa inesquecível, de alto nível técnico nos gramados e da mais perfeita organização fora deles, com benefícios duradouros para os brasileiros e as melhores lembranças aos nossos visitantes”, afirmou o governador Beto Richa. Segundo ele, o Paraná tem condições de fazer uma organização exemplar para o mundial.

O prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, destaca que a Copa vai permitir a construção de um legado que será permanente para a população. “Trabalharemos muito nos próximos mil dias para fazer uma Copa do Mundo perfeita, que certamente resultará em centenas de milhares de sorrisos e emoções”, disse.

O jogador Kléberson, do Atlético, campeão mundial pelo Brasil em 2002, fará o acendimento das luzes do Botânico. Além do Brasil, campeão nos anos 1958, 62, 70, 94 e 2002, as luzes do Botânico terão as cores da Itália, no sábado (17); da Alemanha, no domingo; do Uruguai, na segunda-feira; da Argentina; na terça-feira; da Inglaterra, na quarta; da França, na quinta; e da Espanha, na sexta-feira (23).

Ainda na sexta-feira (16), para celebrar os mil dias, a prefeitura de Curitiba lançará um vídeo em seu website (www.curitiba.pr.gov.br), mostrando a preparação da cidade para a Copa. “Os preparativos estão avançando. Já são R$ 140 milhões em investimentos em oito obras importantes, algumas já concluídas e outras em fase final”, diz o secretário municipal para a Copa, Luiz de Carvalho.

As obras em andamento formam um verdadeiro “PAC de Curitiba”, com recursos do município, do Governo do Estado, do BID e da Agência Francesa. Além a cidade e a Região Metropolitana ainda serão beneficiadas pelos investimentos do PAC da Copa, financiado pelo governo federal. “O PAC da Copa é um complemento importante para as obras da Copa, com mais R$ 450 milhões em financiamento ao município e ao governo em obras de mobilidade urbana em Curitiba e Região Metropolitana”, diz o secretário estadual da Copa, Mario Celso Cunha.

Obras

PAC de Curitiba:

Trincheira Bacacheri/Bairro Alto (9 milhões); Linha Verde Norte (52 milhões); Binário Chile/Guabirotuba (9,5 milhões); Anel Viário (36,3 milhões); Rua 24 Horas (4 milhões); Avenida Marechal Floriano Peixoto Fase 1 (9,4 milhões); e as Avenidas Toaldo Túlio (4,7 milhões; obra concluída) e Fredolin Wolf (17 milhões) que formam uma nova ligação viária BR 277/Santa Felicidade/Parques Tingui e Tanguá/Ópera do Arame.

PAC da Copa:

Avenida das Torres (Corredor Aeroporto/Rodoferroviária/Estádio); Linha Verde Sul; Corredor Metropolitano; Marechal Floriano Fase 2; Rodoferroviária; Terminal Santa Cândida; Sistema Integrado de Monitoramento; Vias de Integração Radial Metropolitana.

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.