“BUSÃO” DO JOÃO

Vendo a indignação de um leitor desta coluna, que inclusive participa hoje do “Fala Comunidade”, não poderia deixar de informar à comunidade sobre o “passeio” que está sendo promovido pelo Prefeito Pavinato (PSDB) e seus asseclas, no qual é utilizado um ônibus, equipado até com sistema de som, que está levando funcionários municipais (em horário de expediente), alunos de escolas do município (no horário de aulas) e pessoas de outros segmentos, para conhecerem as obras que estão sendo realizadas no município. Tudo muito bem, tudo muito bom. Só que existem algumas perguntas que não querem calar: 1) quem paga o passeio, que inclusive tem distribuição de lanches para quem embarca? Qual o objetivo dessa excursão? É legal o Prefeito fazer isso?; Não seria promoção pessoal ou campanha eleitoral antecipada? Ficam as perguntas…. Tem gente dizendo que a maioria das obras que são mostradas foram conquistadas pela administração passada. Ah, mais uma perguntinha: Isso não seria desespero político do Prefeito?

E A PRAÇA CONTINUA ABANDONADA…

Continuam as reclamações dos moradores vizinhos à Praça da Casa da Amizade, no Jardim São José. A sujeira só aumenta e é agravada graças à irresponsabilidade de algumas pessoas que após saírem dos eventos realizados no salão lá existente, jogam papeis e copos plásticos naquele espaço público. Outra denúncia grave é quanto ao desleixo da Prefeitura que não toma providencias também em relação de um bueiro a céu aberto, que se transformou num verdadeiro criadouro de pernilongos e mosquitos da dengue naquele local. Enquanto isso, o prefeito passeia de ônibus. Porque, nesses passeios, ele não aproveita e passa por lá? Passa lá, Prefeito!!!

CAMBÉ MERECE MAIS UMA VARA CIVIL

O acúmulo de processos na Vara Civil da Comarca de Cambé faz com que a demora nos julgamentos e decisões judiciais seja uma constante. Existem casos que permanecem no Fórum por anos, embora haja o esforço e a dedicação de juízes, promotores e serventuários da justiça. Está mais do que na hora de nossas autoridades se esforçarem e entrarem na “briga” por mais uma vara cível para Cambé. Com certeza a conquista desse benefício trará muita celeridade nos processos e quem ganhará será a comunidade. Vale lembrar que cidades bem menores que a nossa são mais bem atendidas nesse quesito. Por que não Cambé ? Com a palavra nossas autoridades…

PREFEITO QUER ENDIVIDAR A PREFEITURA

Se depender do prefeito João Pavinato (PSDB), o Município de Cambé poderá ficar R$ 15,7 milhões mais endividada do que está. Pavinato mandou para a Câmara de Vereadores, quatro projetos de leis solicitando autorização legislativa para contrair empréstimos junto a alguns bancos. São empréstimos destinados para a compra de novos equipamentos e sistemas de informática para a prefeitura, aquisição de caminhões e tratores, bem como para a execução de recapes e pavimentações de vias públicas. O pagamento de alguns desses empréstimos seriam em até 20 anos, com carência de 4, ou seja, começariam a ser quitados só em 2015. Vale lembrar que o Prefeito Pavinato têm, constantemente, criticado seus antecessores por deixarem dívidas parceladas para ele pagar. Já que ele critica tanto, porque ele não dá o exemplo, emprestando todo essa dinheirama, mas para pagamento até o final do seu mandato, no ano que vem? Não seria mais coerente?. Isso se for honesto e justo !!!

ELEVAÇÃO SALARIAL DOS SERVIDORES. SERÁ QUE AGORA SAI?

Desde julho passado a maioria dos servidores municipais aguarda a elevação salarial por promoção vertical, ou seja, a concessão de uma conquista da categoria que a cada dois anos pode lhes dar um ganho salarial de até 5% sobre seus vencimentos. Ocorre que já se passaram quase três meses e o benefício ainda não foi concedido. Muitas desculpas e justificativas foram anunciadas pela administração municipal nesse período. Finalmente agora parece que se começou a surgir uma pequena luz no final do túnel. Isso porque um vereador da base política e amigo do prefeito Pavinato, afirmou na última sessão da Câmara Municipal que tudo estará resolvido até à terceira semana do mês de outubro próximo. Ele, o vereador, disse ainda que no próximo pagamento haverá a quitação da diferença relativa à essa elevação, retroativo ao mês de julho, como deveria ser. Agora é só aguardar e conferir!!

30 HORAS PARA ASSISTENTE SOCIAL

Falando em servidores municipais, uma das principais e antigas reivindicações das assistentes sociais da Prefeitura é a redução da carga horária semanal, que hoje está em 35 horas e a categoria exige o cumprimento da Lei Federal 12.317 que lhes concede o direito de redução de jornada para 30 horas por semana. Algumas reuniões já foram realizadas entre representantes dos servidores e a administração municipal mas, até gora, ficaram só nas conversas. Não seria simples a decisão, se existe lei maior que determina a alteração, porque não fazer?

PREFEITURA PODERÁ DEIXAR DE PAGAR ÁGUA E LUZ A ENTIDADES SOCIAIS DO MUNICIPIO

Por muito tempo algumas entidades sociais do município, através de entendimento com as administrações municipais, recebem, em contrapartida pelos relevantes serviços que prestam, o benefício de terem suas contas de água e luz pagas pela Prefeitura. Agora, nesta gestão do Prefeito João Pavinato (PSDB), essa ajuda poderá acabar, e as entidades que estão trabalhando com sérias dificuldades financeiras, ficarão em situação ainda mais complicada. Segundo informações, esse corte poderá atingir também a Associação dos Operários Municipais. Lamentável!…

DA A.F.M.C. O PREFEITO JÁ CORTOU

A AFMC – Associação dos Funcionários Municipais de Cambé, tão valorizada por prefeitos anteriores, foi a primeira a sofrer com o corte da importante ajuda, e já há três meses não conta mais com esse auxilio da Prefeitura. Essa decisão da administração municipal fez com que a mensalidade dos sócios do clube sofresse um reajuste, para cobrir mais esta despesa. Vale lembrar que o Prefeito Pavinato já foi tesoureiro da entidade, numa gestão desastrosa e incompetente nos anos 80, conforme informações registradas em atas da entidade.

DELEGACIA SUPERLOTADA

Já não é de hoje a superlotação da delegacia de policia da nossa cidade. A capacidade do presídio local, que é de 50 , está com 126 presos. Lá o perigo de fuga é constante e vem tirando o sono de muita gente. A criminalidade aumenta a cada dia. O tráfego de drogas é tido como um dos principais causadores dos roubos e assaltos que aterrorizam as famílias cambeenses. Até quando vai perdurar essa situação? Esperamos que o Governo do Estado, que parece estar cheio de boas intenções, comece a colocar em prática todos os compromissos assumidos durante a campanha eleitoral para, ao menos, amenizar a grave situação de hoje. Uma boa notícia é o aumento do efetivo policial. Não basta apenas construir presídios para fazer deles um depósito de presos, tem que haver, além do combate às causas da criminalidade, todo um trabalho que passa pela educação das crianças e a geração de oportunidades aos jovens, adolescentes e adultos, capacitando-os para o mercado de trabalho. Tudo isso pode parecer utopia, mas se não houver um início, a tendência é piorar ainda mais.

PP SOB NOVA DIREÇÃO

O Partido Progressista de Cambé tem novo presidente. Manoel Cícero dos Santos assumiu o comando da agremiação recentemente e já promete a formação de uma equipe forte, com pessoas sérias e competentes com vistas às próximas eleições municipais. Sucesso nessa nova caminhada!!

PERGUNTINHA

Será que o Prefeito Pavinato chegará aos 100% de nomeações em cargos comissionados na Prefeitura neste mês? Parece que sim! Para isso, faltam apenas 3 vagas a serem preenchidas…Isso sim é gerar “empregos”!!!

FALA COMUNIDADE I

Boa tarde Serpeloni, Não sou de criticar e nem me envolvo em questões políticas da cidade. Mas não posso ficar à margem de uma situação que me deixou indignado na ultima quinta-feira. Minha filha estuda num dos colégios de nossa cidade e simplesmente foi retirada da sala de aula para fazer um passeio turístico, a meu ver político, promovido pelo Prefeito Municipal João Pavinato. Minha filha e os demais colegas da sala de aula tiveram que deixar seus aprendizados, que custam caro para os bolsos dos pais, para participarem dessa festinha sem graça. Será quer não tem ninguém nesta cidade que possa tomar alguma providencia. Eu e mais alguns amigos estamos pensando em ir perguntar se isso é legal, no fórum da nossa cidade. Como pode um prefeito que acreditamos possa ter muitas coisas para fazer, ficar fazendo turismo e tirando os alunos de seu aprendizado. Isso é usar os alunos, pois só chamou para o passeio aqueles que já tem idade para votar. É uma vergonha. Por favor, coloque a nossa indignação na sua coluna, que muito tem contribuído para esclarecer fatos que outros órgãos de imprensa da cidade não tem coragem de denunciar. Por favor não divulgue meu nome, sou empresário e posso sofrer perseguições políticas. Muito obrigado. Um pai inconformado.

FALA COMUNIDADE II

Bom dia Sr. Carlos Serpeloni A igreja adventista do Sétimo Dia promove vários projetos sócio educativos um deles é o projeto “Quebrando o Silêncio” que foi realizado no dia 27/08/2011 na sua coluna foi colocado um comentário sobre o mesmo pela irmã Cida. A irmã, embora membro de nossa igreja não tem autoridade para falar em nome da igreja principalmente quando envolve questões de ordem política, por isso o motivo deste email. queremos corrigir uma declaração que não corresponde a realidade. A prefeitura e o Sr prefeito João Pavinato sempre demonstrou disponível para nos auxiliar e apoiar nossos projetos. No Quebrando o Silêncio nós não necessitamos de nada da prefeitura pois todo o material é fornecido pela igreja a não ser o Ginásio de esportes que nos foi cedido. Gostaria que postasse este esclarecimento em sua coluna é uma forma de nos desculparmos com o prefeito e também demonstrar nossa gratidão pelo apoio que tem sido dado sempre que precisamos. Grato. Pr. Mailson Oliveira Souza Igreja Adventista do Sétimo Dia

FALA COMUNIDADE III

Prezado Colunista; Ref.: Esclarecimento sobre apresentação de fanfarra, Com o propósito de contribuir com a sua Coluna Ponto de Vista, e desta forma promovermos juntos uma comunicação sem equívocos, na página 2 do Jornal Nossa Cidade, esclarecemos em relação à seção denominada Perguntinhas da edição de 16 de setembro de 2011:

1 – A Fanfarra que se apresentou no dia 7 de setembro de 2011, na solenidade de arriamento das bandeiras no Centro de Eventos de Cambé, representa o Colégio Estadual Papa Paulo VI, de Nova América da Colina, mas é mantido com recursos da iniciativa privada daquele município graças a uma parceria entre os empresários e a direção do estabelecimento de ensino, inclusive na compra de uniformes, instrumentos e transporte para apresentações;

2 – A vinda a Cambé desta fanfarra ocorreu por indicação de professores estaduais que lecionam em Cambé e conhecem a história da parceria acima referida; assim formulamos o convite para a solenidade do dia 7;

3 – A Fanfarra se apresentou gratuitamente em Cambé e o custo de transporte foi patrocinado pela iniciativa privada parceira de Nova América da Colina, cabendo à Prefeitura de Cambé, por uma iniciativa de gratidão aos alunos, instrutores e demais membros presentes, oferecer um lanche aos presentes.

Assim encerramos com a expectativa de termos contribuído com a sua Coluna, ao mesmo tempo em que nos colocamos à disposição para outros esclarecimentos que se fizerem necessários sobre o assunto. Respeitosamente. Arísia Mendes Gonçalves. Secretária Municipal de Cultura. Presidente da Fundação Cultural e Artística de Cambé.

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

1 Comentário

  1. Serpeloni, gostaria de saber até onde é verdade o compromisso da empresa ALL, em construir passarelas ao longo do trajeto da ferrovia que atravessa nossa cidade?.
    Ou será que tenho informação errada?

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.