A emoção da mulher forte da Petrobras – Bancos sem segurança são notificados – Desfazer contrato exige paciência – Municípios: País cassou 270 prefeitos desde 2008 – Café brasileiro ganha prestígio – Redes sociais para investidores começam a ganhar força no país – Sabotagem no Metrô tem 80 investigados – Região do Contestado recebe poucos recursos – Governo vai elevar IR das aplicações atreladas à Selic – Comissão de Ética Pública do Planalto investiga Pimentel…

O Globo

Manchete: Comissão de Ética Pública do Planalto investiga Pimentel

Ministro ganhou R$ 2 milhões em consultorias após deixar prefeitura

Pouco mais de dois meses depois de O GLOBO revelar que o ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, faturou pelo menos R$ 2 milhões em consultorias desde que deixou a prefeitura de Belo Horizonte até assumir cargo no governo da amiga Dilma Rousseff, a Comissão de Ética Pública da Presidência decidiu ontem investigar o caso, aceitando denúncia do PSDB com base nas reportagens. Metade do dinheiro que Pimentel ganhou foi paga pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), por serviços de consultoria na elaboração de projetos na área tributária e palestras nas dez regionais da entidade. O GLOBO apurou que as palestras nunca ocorreram. No fim do ano passado, o governo conseguiu evitar que Pimentel fosse chamado ao Congresso para se explicar. O caso de Pimentel é semelhante ao do ex-ministro Antonio Palocci (Casa Civil), que continua na pauta da comissão. Ontem, os conselheiros decidiram fazer diligências e pedir mais informações a Palocci, que perdeu o cargo. Pimentel disse que só comentará o assunto quando for notificado. (Págs. 1 e 3)

‘Agora é tudo com você, Graciosa’

Apresentada por Dilma, nova presidente da Petrobras diz que não haverá alta de gasolina

Numa posse concorrida com 11 ministros, oito governadores e vários empresários, além da presidente Dilma Rousseff, a engenheira Graça Foster assumiu ontem o comando da Petrobras. Em entrevista, ela deixou claro que não tem previsão para aumentar os combustíveis e elevar os investimentos, que serão mantidos. A combinação de aumento de custos com os preços da gasolina amarrados fizeram o lucro da estatal despencar 52% no fim do ano passado. Em seu discurso, Graça fez questão de dizer que era “a filha de dona Terezinha” e que estava orgulhosa de estar recebendo o crachá número um da empresa. De Dilma, sua amiga, recebeu os desejos de sucesso à frente da companhia: “Agora é tudo com você, Graciosa”, disse a presidente. (Págs. 1 e 21)

Foto-legenda

Graça Foster e Dilma Rousseff: a filha de dona Terezinha tomou posse na maior empresa do país

O lado oculto do novo Sambódromo

Um dia após a festa de reinauguração do Sambódromo, operários continuavam batucando ontem com suas ferramentas. Na parte da frente da Passarela do Samba, eram feitos apenas retoques e pintura. Já atrás das novas arquibancadas, ainda era aplicado cimento e tratores circulavam. A maratona de blocos recomeça na quinta-feira. No fim de semana, os carnavalescos deixaram bem menos lixo nas ruas: 35,6 toneladas, contra 43,9 na mesma época de 2011. (Págs. 1 e 14 a 18)

Especialistas: pacote não salva Grécia

O pacote fiscal, que prevê congelamento de salários e demissões, aprovado pelo Parlamento da Grécia, não será suficiente para tirar o país da crise, dizem especialistas. A Moody’s rebaixou ontem 6 países da Europa, inclusive Espanha e Portugal. (Págs. 1 e 23)

Dois candidatos para a Cidade da Música

A prefeitura lançará em março a concessão da Cidade da Música à iniciativa privada. O complexo, que deve abrir no 2º semestre, depois de dez anos em obras, tem 2 interessados: o Polo Rio Cine e Vídeo e o Instituto Tomie Ohtake. (Págs. 1 e 12)

Força-tarefa vai investigar aliciamento

O governo montará força-tarefa para investigar a rede de tráfico que alicia adolescentes no Norte e no Nordeste para transformá-los em transexuais em São Paulo. A polícia paulista também apura o caso e as ameaças a repórter. (Págs. 1 e 5)

Caso Eloá: motoboy ameaçou matar todos, diz testemunha (Págs. 1 e 4)

Gays apanham de taxistas no Galeão

Dois homens foram presos em flagrante no Aeroporto do Galeão, acusados de terem espancado dois passageiros, gays, que recusaram serviço de táxis piratas, na área do desembarque. Uma das vítimas teve fraturas na face. (Págs. 1 e 13)

Oposição na Venezuela quer copiar Lula

Após ser escolhido para enfrentar Hugo Chávez nas eleições venezuelanas, Henrique Capriles, fã do ex-presidente Lula, afirmou querer seguir o modelo econômico e projetos sociais brasileiros. Ele defendeu a volta da RCTV, rede tirada do ar por Chávez. (Págs. 1 e 27)

Razão Social

Cúpula dos Povos e outros eventos paralelos vão levar mais de dez mil pessoas ao Aterro durante a Rio+ 20 (Págs. 1 e Razão Social)

————————————————————————————

O Estado de S. Paulo

Manchete: Governo vai elevar IR das aplicações atreladas à Selic

Ideia é desestimular investimentos que limitam o poder do BC de interferir no ritmo do consumo

O governo prepara mudanças na tributação do Imposto de Renda sobre as aplicações de renda fixa, como fundos de investimentos e CDBs, informa a repórter Adriana Fernandes. A proposta visa a desestimular, por meio de um imposto mais alto, as aplicações que tem rentabilidade vinculada à taxa básica de juros, a Selic. O objetivo é fazer os investidores migrarem para investimentos com correção prefixada ou atrelada à inflação. A ideia é aproveitar o momento de queda da Selic para um dígito, atacando de forma mais efetiva a chamada “cultura” do CDI – grande concentração de ativos atrelados à taxa básica de juros, hoje em 10,5% ao ano. Quanto maior a vinculação, menor o impacto das decisões de juros do Banco Central sobre o ritmo de consumo da população e de investimento das empresas. (Págs. 1 e Economia B1 e B3)

R$ 1,5 trilhão

É o estoque de investimentos criados pela iniciativa privada com renda fixa; 89% estão atrelados ao CDI.

Foto-legenda: Tensão no julgamento

No primeiro dia de julgamento de Lindemberg Alves, acusado de matar Eloá Pimentel em 2008, Nayara da Silva, única testemunha ocular do crime, disse que o rapaz planejou a morte da namorada. A defesa rebateu. (Págs. 1 e Cidades C5)

Nova dirigente da Petrobras se diz grata e fiel a Dilma

Numa cerimônia que evidenciou a forte ligação entre Dilma Housseff e a nova presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, a executiva assumiu o cargo declarando “gratidão e fidelidade incondicional” à presidente da República. Dilma se permitiu, inclusive, encerrar seu discurso com um gracejo: “Agora, é tudo contigo, Graciosa”. Sem citar o peso da União sobre as ações da estatal, Graça prometeu manter um diálogo “de prosperidade junto ao controlador”. Ela disse que sua vida se confunde com a da estatal. (Págs. 1 e Economia B6)

Maria das Graças Foster
Presidente da Petrobras

“Externo minha fidelidade incondicional à presidente Dilma Rousseff”

Texto de 2004 liga ministra a ‘curso de aborto’

A transcrição de uma entrevista de Eleonora Menicucci a uma pesquisadora de Santa Catarina, em 2004, atribui à ministra de Políticas para as Mulheres a revelação de que fez “curso de aborto” na Colômbia. Eleonora nega. (Págs. 1 e Nacional A8)

Melô da crise: Teló agora embala protestos

Para convocar protesto contra a política de cortes de salários em Portugal, os sindicatos apelaram para o hit de Michel Teló, Ai, Se Eu Te Pego. A música foi adaptada para ficar com uma letra mais engajada: Ai, Não Nos Calam. (Págs. 1 e Economia B8)

Amianto: Itália condena dois

A corte de Turim, na Itália, condenou dois acionistas da empresa Eternit a 16 anos de prisão pela morte de pelo menos 2,1 mil pessoas por contaminação por amianto. (Págs. 1 e Vida A16)

Israel culpa Hezbollah e o Irã por atentados a duas embaixadas

Israel culpou ontem o Irã e o Hezbollah pelos atentados contra suas embaixadas na Índia e Geórgia. Nos dois casos, bombas foram colocadas em carros. Uma israelense e três funcionários ficaram feridos em Nova Délhi. Em Tbilisi, a bomba foi desativada e não houve vítimas. (Págs. 1 e Internacional A11)

Região do Contestado recebe poucos recursos (Págs. 1 e Nacional A10)

José Paulo Kupfer

Riscos na decolagem

Discute-se se conceder patrimônio mantido pelo poder público e ou não privatizar, mas o debate sobre a eficiência dorme em segundo plano. (Págs. 1 e B5)

Luiz Werneck Vianna

As cidades e o sertão

O caso de Aguinaldo Ribeiro, o novo ministro das Cidades, põe em evidência o segredo de Polichinelo da modernização brasileira. (Págs. 1 e Espaço Aberto A2)

Adam Liptak

Guerra dos vazamentos

Obama processou mais gente por fornecer dados secretos à imprensa do que os governos dos EUA anteriores juntos. (Págs. 1 e Visão Global A14)

Notas & Informações

O desafiante de Chávez

Prévia mostrou que oposições venezuelanas superaram anos de desunião diante do chavismo. (Págs. 1 e A3)

————————————————————————————

Correio Braziliense

Manchete: Sabotagem no Metrô tem 80 investigados

Polícia garante que houve violação do sistema, com a instalação de cabos para interromper o tráfego e provocar problemas na operação. Todos os funcionários da companhia com acesso ao armário onde funciona o equipamento são suspeitos. (Págs. 1 e 25)

Intransitável

Acidentes em série, demora na remoção de veículos, chuva e manifestações na Esplanada tornaram as principais vias de acesso a Brasília um calvário para os motoristas. Muitos demoraram até três horas para chegar ao trabalho. Autoridades buscam maneiras de adotar soluções ágeis para não comprometer o fluxo de veículos, mas a precariedade do sistema de transporte público e a disposição rodoviária da capital dificultam as ações. (Págs. 1, 21 e 22)

Esplanada, 9h37

Comboio de 600 caminhões de atacadistas do DF invadiu três pistas e durou três horas: a categoria reivindica benefícios fiscais semelhantes aos concedidos por outras unidades da Federação.

Epia, 10h45

Acidente com duas carretas e uma ambulância interditou a via por cinco horas: falta de guincho.

EPTG, 10h51

Engarrafamento na Estrada Parque foi reflexo da batida na Epia: motoristas “furam” faixa exclusiva.

Arrocho: Verbas do PAC estão livres do corte no Orçamento

A redução de gastos do governo federal este ano ficará entre R$ 50 bilhões e R$ 55 bilhões, abaixo da expectativa do mercado. Além das obras do Programa de Aceleração do Crescimento, os financiamentos do Minha Casa, Minha Vida serão poupados. Já os concursos públicos passarão por análise criteriosa. (Págs. 1 e 2)

Disciplina, a ordem na Petrobras

Com a presença de Dilma, Maria das Graças Foster assumiu a estatal prometendo cumprir as metas da empresa. (Págs. 1 e 9)

Impostos: Obama tira dos ricos para criar empregos

De olho na reeleição e sob pesadas críticas dos republicanos, o presidente dos EUA apresentou sua proposta de orçamento com o investimento de US$ 800 bilhões na geração de postos de trabalho e na infraestrutura do país. O ponto polêmico, no entanto, é o aumento de 30% na tributação dos milionários. (Págs. 1 e 13)

Pai ganha licença de seis meses

A mulher de um servidor da PF morreu após o parto e ele conseguiu na Justiça o benefício para cuidar do filho. (Págs. 1 e 29)

————————————————————————————

Valor Econômico

Manchete: Governo pede à China que limite vendas ao Brasil

O governo brasileiro pediu ao vice-primeiro-ministro chinês, Wang Qishang, em visita ao Brasil, a criação de mecanismos de “restrição voluntária” de exportações por parte de empresas chinesas de têxteis, confecções, calçados e eletroeletrônicos. A alternativa, argumentam as autoridades brasileiras, seria lançar mão de salvaguardas (barreiras temporárias à importação) a importações nesses setores, uma medida bem mais restritiva ao comércio.

Em discurso durante almoço com a delegação chinesa no Palácio do Itamaraty, o vice-presidente, Michel Temer, disse que o Brasil está preocupado “com o aumento maciço e indiscriminado de produtos chineses no mercado brasileiro”, que provoca o “deslocamento da produção brasileira”. Temer e Wang Qishan presidem a Comissão Sino-Brasileira de Alto Nível (Cosban), reunida ontem. “Daí porque falamos em um dimensionamento voluntário das exportações chinesas”, afirmou o vice-presidente. (Págs. 1 e A4)

Foto-legenda: Cenário dominante

Luis Stuhlberger, da gestora de recursos Credit Suisse Hedging-Griffo, vê aceleração da economia e dos preços. E aposta em papéis indexados à inflação e ações de consumo. (Págs. 1, D1 e D2)

Italiano volta para comandar Citroën no país

O conhecimento do mercado brasileiro, depois de uma passagem pelo país nos anos 90, na Fiat, tornou-se um trunfo na escolha do italiano Francesco Abbruzzezi para dirigir a Citroën do Brasil. Ele faz parte de uma nova geração de executivos que chama a atenção das empresas pelo que conhece do país, um perfil diferente dos muitos estrangeiros que comandaram filiais brasileiras sem falar português. Ao trocar a direção da rede de revendas própria da Fiat Auto na Europa pela Citroën, ele acredita que esse é um passo fundamental em sua carreira. “O Brasil é do tamanho da Europa”, diz, ao destacar os investimentos programados pelas montadoras para o país. (Págs. 1 e B6)

Crise na News Corp. piora com prisões no ‘The Sun’

A prisão de cinco jornalistas do tablóide “The Sun”, da News Corp., suspeitos de terem subornado funcionários públicos, aumentou a crise na divisão inglesa do conglomerado americano de comunicações e pode levar Wall Street a retomar as discussões sobre se a News Corp. deve desmembrar seus negócios de jornais, que hoje desempenham um papel relativamente pequeno na empresa, que se tornou basicamente um conglomerado de cinema e televisão.

Até agora, no entanto, a resistência de Rupert Murdoch, presidente da companhia, anulou qualquer perspectiva de separação no passado. (Págs. 1 e B2)

África do Sul taxa frango brasileiro

As tarifas antidumping aplicadas pela África do Sul na sexta-feira sobre as importações de carne de frango do Brasil devem significar uma perda anual de US$ 70 milhões para exportadores, segundo a União Brasileira de Avicultura (Ubabef). A África do Sul é o 7º maior mercado para o frango brasileiro. No ano passado, foram enviadas 195 mil toneladas do produto ao país, o equivalente a 4,9% das exportações totais.

A África do Sul decidiu impor uma tarifa de 62,92% sobre o frango inteiro e de 46,59% sobre os cortes desossados importados do Brasil. As medidas já estão em vigor e afetam, inclusive, encomendas já embarcadas. (Págs. 1 e B14)

Remuneração com ações estreia no BB

Pela primeira vez em seus mais de 200 anos de história, o Banco do Brasil fará em breve seu primeiro pagamento de remuneração a executivos com ações. O BB paga participação nos lucros e resultados aos diretores estatutários desde 2002 e começou a dar bônus em 2010. A mudança decorre da adequação antecipada do banco a uma resolução do Conselho Monetário Nacional que passa a vigorar para as instituições financeiras a partir de 2012. Entre os grandes bancos do país, o BB é um dos que devem ser mais afetados pela nova regra, já que possui sistema de remuneração baseado em salário fixo e em uma parcela variável apenas de curto prazo, paga em espécie. Itaú Unibanco e Santander já praticavam modelos mais próximos ao exigido, mas também terão de fazer ajustes. (Págs. 1 e C12)

Redes sociais para investidores começam a ganhar força no país (Págs. 1 e B3)

Expansão da Brazil Pharma

A Brazil Pharma, braço de varejo farmacêutico do BTG, comprou a rede de drogarias baiana Sant’ana, líder no Estado, por R$ 347 milhões. Com o negócio, tornou-se a terceira maior rede do país. (Págs. 1 e B1)

Avanço da publicidade compartilhada

Serviços de compartilhamento de anúncios na internet, como o AdSense (Google) e o Lomadde (BuscaPé), ajudam a manter de pé os negócios digitais no país. Segundo a consultoria ComScore, 95% dos sites brasileiros participam do programa do Google. (Págs. 1 e B3)

Sírio fecha parcerias em oncologia

Referência em oncologia, o Sírio-Libanês negocia parcerias para administrar a área de tratamento de câncer de outros hospitais. O primeiro acordo foi fechado com o Hospital Santa Paula, cujo acionista majoritário é o empresário Edson Bueno, da Amil. (Págs. 1 e B4)

Motoristas evitam o etanol

Com preço ainda desfavorável em relação à gasolina na maior parte do país, o consumo de etanol hidratado caiu 39% no mês passado, em relação a janeiro de 2011, e 15% sobre dezembro. O repasse da queda de preço nas usinas deve ganhar força neste mês. (Págs. 1 e B11)

Café brasileiro ganha prestígio

Até pouco tempo o café brasileiro era considerado uma commodity destinada apenas à produção de café instantâneo. Mas os cafés gourmet brasileiros ganham prestígio entre torrefadoras e cafeterias do exterior. (Págs. 1 e B12)

Seca força migração de gado nos EUA

A seca ao sul da região das Grandes Planícies dos EUA está provocando um enorme deslocamento de gado para o norte, encarecendo os preços da carne bovina e ameaçando alterar o perfil da produção de carne vermelha no país. (Págs. 1 e B14)

China promete ajuste em reservas

A China pretende desacelerar a acumulação de reservas internacionais neste ano para cerca de 3% do PIB, praticamente metade dos 5,7% alcançados em 2011, como uma das medidas para facilitar o reequilíbrio e o crescimento da economia global. (Págs. 1 e C12)

Esporte é a bola da vez

Perspectivas de negócios com a Copa de 2014 e a Olimpíada de 2016 no Brasil aceleram a profissionalização das áreas ligadas aos esportes e abrem oportunidades para executivos como Sérgio Friedheim, que deixou a Motorola para assumir o marketing de artigos esportivos da Alpargatas. (Págs. 1 e D6)

Ideias

Delfim Netto

Há uma guerra cambial entre EUA, UE e China, e os emergentes estão sendo forçados a aceitar esse jogo sujo. (Págs. 1 e A2)

Ideias

Jorge Arbache

Países exportadores de commodities tendem a ter crescimento econômico mais volátil e mais lento no longo prazo. (Págs. 1 e A10)

————————————————————————————

Estado de Minas

Manchete: Mais risco, mais morte

Aumentam as internações hospitalares de motociclistas e pedestres vítimas do trânsito

Sem a proteção das carrocerias de aço, cintos de segurança e airbags dos veículos maiores, motociclistas e pedestres ficam mais vulneráveis à crescente violência do trânsito. O número de pilotos e garupeiros de motos acidentados atendidos pelo SUS em Belo Horizonte pulou de 2.111 em 2010 para 2.803 no ano passado. A quantidade de casos a mais, 692, foi a maior do Brasil.

O total de internações em 2011 equivale a sete vezes o número de leitos do HPS (400), referência nesse tipo de atendimento. O número de motociclistas mortos durante o socorro médico, porém, caiu de 79 para 71, entre 2010 e 2011. Em contrapartida, as mortes por atropelamento subiram de 99 para 108, enquanto as internações por esse motivo saltaram de 882 para 1.139. (Págs. 1, 19, 20 e o editorial ‘Na garupa da tragédia’, 8)

Municípios: País cassou 270 prefeitos desde 2008

Dos que perderam o cargo, 77, ou 36,6%, foram afastados por improbidade administrativa. Em Minas, por esse tipo de crime, foram cassados 10 prefeitos, de um total de 29 desde as últimas eleições municipais. (Págs. 1 e 5)

Greve no Rio

Policiais e bombeiros suspendem a paralisação. (Págs. 1 e 10)

Foto legenda: Capital da lingerie

Associação Brasileira da Indústria Têxtil estima que confecções de Juruaia, no Sul de Minas, já sejam responsáveis por 15% das peças íntimas fabricadas no país. Produção deve crescer de 20% a 30% este ano. (Págs. 1 e 13)

Cautela nas bolsas depois de novo pacote de austeridade grego (Págs. 1 e 11)

————————————————————————————

Jornal do Commercio

Manchete: Reforço na saúde do folião

Prefeitura de Recife vai colocar mais 700 profissionais nas policlínicas e postos avançados. Faixa de ônibus da Pan-Nordestina, em Olinda, será liberada quinta-feira. Bebida é o item carnavalesco que mais sofre com impostos. (Págs. 1 e Cidades 1 a 3, Economia 1 e Caderno C, 5 e 6)

Bancos sem segurança são notificados

Operação conjunta da Dircon e do Procon/Recife registrou problemas em quatro agências que não cumprem as leis municipais. Estabelecimentos têm cinco dias para instalar os itens. (Págs. 1 e Cidades 4)

Desfazer contrato exige paciência

Maiores problemas apontados pelos consumidores são a demora no atendimento, alegação de dívidas inexistentes e até pedido de documentos desnecessários para o desligamento. (Págs. 1 e Economia 5)

Policiais e bombeiros do Rio acabam greve (Págs. 1, 6 e 8 (editorial)

————————————————————————————

Zero Hora

Manchete: Governo articula plano contra caos aéreo no Carnaval

Com estimativa de movimento 13% maior do que no mesmo período do ano passado, Anac, Infraero e companhias aéreas vão reforçar atendimento. (Págs. 1 e 32)

A emoção da mulher forte da Petrobras (Págs. 1 e 16)

Unidos pela Copa

Em encontro com os presidentes de Inter, Grêmio e da FGF e o prefeito, o ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, garantiu que Porto Alegre será sede do Mundial e que Beira-Rio estará pronto. (Págs. 1 e Esportes)

Plano anticrack deve atingir 90% do Estado

Proposta, que será apresentada ao governo federal, é levar ações ao Interior. (Págs. 1 e 26)

Eleições: Venezuela usa marketing brasileiro

Hugo Chávez e candidato de oposição importam estrategistas de campanhas vitoriosas no Brasil. (Págs. 1 e 24)
———————————————————————————–

Brasil Econômico

Manchete: Ao assumir Petrobras, Graça repete Dilma e fala em priorizar a gestão

A troca de guarda na estatal foi muito concorrida. Afinal, o mais longevo presidente da empresa, José Sergio Gabrielli, dava o lugar à primeira mulher no cargo, Graça Foster. Diante da presidente Dilma, a nova chefe prometeu produtividade e gestão. (Págs. 1 e 4)

Foto legenda: Gabrielli e Graça, despedida e posse marcadas pela emoção: “Não sou eu quem me navega”

Blocos alegram economia carioca

Carnaval de rua do Rio de Janeiro atrai patrocínio de empresas e movimenta R$ 160 mi com turismo e vendas. (Págs. 1 e 8)

Ações de Gol e Tam vão decolar

Para analistas, dívida alta e lucro pressionado são compensados por demanda concentrada. (Págs. 1 e 32)

Refinanciar a casa para abrigar outros negócios

Tomar crédito dando a casa própria como garantia é um risco, mas também uma forma de obter quantias maiores a taxas mais atrativas. A hipoteca cresce no Brasil para quem quer viajar ou investir em um negócio. (Págs. 1 e 34)

Obama quer 30% de imposto para ricos e criar empregos

Presidente dos EUA defendeu orçamento de US$ 800 bilhões com foco no emprego e na infraestrutura. (Págs. 1 e 37)

Apesar da violência, Europa deve definir já apoio a Grécia

Os protestos contra o plano de austeridade que vai cortar salários não vão atrasar ajuda econômica. (Págs. 1 e 36)

Os planos da Cencosud para ser a maior do varejo latino

Grupo chileno presidido por Horst Paulmann reserva US$ 1,3 bilhão para um plano de ampliação com pretensões de superar o Pão de Açúcar. (Págs. 1 e 17)
Brasil e Chile disputam liderança na América Latina.
Governo diminui previsão de crescimento em 2012 para 4,5%

O otimismo que caracteriza o ministro Mantega sofreu um revés ontem. A Fazenda estima que o PIB de 2011 não ficará em 3,8%, e sim em 3,2%, e o deste ano não será de 5%. Leia também artigo de Ricardo Galuppo. (Págs. 1, 6 e 40)
Clipping Radiobrás

Edição: Equipe Fenatracoop

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.