“O gordo foi para o Mundial”. O jornal argentino “Olé” não perdeu a chance de provocar os brasileiros às vésperas do Mundial. Com destaque no site do diário neste sábado, um vídeo mostra uma partida de futebol improvisada na rua por torcedores dos dois países, do lado de fora da concentração dos hermanos em Pretória, na África do Sul. O time brasileiro tinha um atacante “levemente” acima do peso, vestindo a camisa 9 de Ronaldo Fenômeno. Foi o bastante para dar início às provocações bem-humoradas nos dois lados do campo improvisado no asfalto.

Clique aqui e confira o vídeo do jornal “Olé”.

– Marca o gordo! Marca o gordo! – gritam os argentinos.

A pelada terminou em clima de descontração, com todos reunidos para uma foto e cantando músicas relativas às suas seleções. Os argentinos, claro, provocaram os rivais gritando que “Maradona foi melhor que Pelé”. Eles estavam hospedados em um albergue e conheceram os brasileiros, que passavam alguns dias em Pretória. A ideia inicial era jogar num campo anexo à concentração da seleção. Como a entrada foi proibida, o jeito foi improvisar.

Na rua, sob o olhar incrédulo dos policiais, armaram os golzinhos, interromperam o trânsito e começaram a disputa. O falso Ronaldo era um brasileiro chamado Daniel. Ele virou alvo das provocações dos hermanos. Nas calçadas, tinha até torcida, com direito a batucada brasileira e vuvuzelas dos sul-africanos que dão plantão à frente da Universidade de Pretória.

Ao fim do duelo, veio o debate comum nas peladas? Foi 2 a 1 para os argentinos ou empate em 2 a 2. O “árbitro” improvisado não conseguiu chegar a uma conclusão, e o jeito foi encerrar a partida e fazer a foto para a posteridade.

Fonte: G1

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.