O coronel Roberson Luiz Bondaruk vai assumir o comando-geral da Polícia Militar do Paraná, em substituição ao coronel Marcos Theodoro Schremeta, que deixa o posto. A troca de comando foi anunciada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e deve acontecer nos próximos dias, mas ainda não há data definida.

O secretário da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida César, destacou o bom trabalho desenvolvido pelo oficial que deixa o posto e ressaltou que o processo de transição ocorrerá de forma totalmente harmônica.

Roberson Luiz Bondaruk é o coronel mais antigo em atividade na Polícia Militar do Paraná. Natural de Curitiba, tem 49 anos e está há mais de 30 anos na corporação. Ele já comandou o Regimento Coronel Dulcídio (Polícia Montada), foi subchefe do Estado Maior da PMPR, dirigiu a Academia Policial Militar do Guatupê e foi diretor de ensino da PMPR. Atualmente era coordenador de Segurança Comunitária da Secretaria de Estado da Segurança Pública.

Formado oficial da Polícia Militar pela Academia Policial Militar do Guatupê (1983), é bacharel em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC/PR-2004), fez o Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais na Polícia Militar de São Paulo (1996) e concluiu em 2006 o Curso de Doutoramento em Estratégias de Segurança Pública, na Academia Policial Militar do Guatupê, em parceria com a Universidade Federal do Paraná (UFPR). É proficiente em língua inglesa.

Recebeu diversas medalhas e títulos, dentre elas Medalha Coronel Sarmento, por relevantes serviços prestados à Polícia Militar do Paraná, e a Medalha Policial Militar de Ouro, por 30 anos de bons serviços.

Autor de 16 publicações e nove livros especializados na área de segurança pública, o coronel Roberson Bondaruk tornou-se referência pelo desenvolvimento de pesquisas na área de prevenção de crimes, que foram objeto de dois de seus principais livros: A Prevenção do Crime Através do Desenho Urbano (2007) e Design Contra o Crime: prevenção situacional do delito através do design de produtos (2006).

Nas duas obras, o coronel apresenta soluções práticas para prevenir a ação de marginais em residências, empresas, em espaços públicos urbanos e no uso de roupas e adereços pessoais.

Em 2009, conquistou o prêmio Hermès de L’innovation, na categoria Inovação e Desenvolvimento Humano, pelo projeto Design Contra o Crime, realizado em parceria com o SENAI/PR. O prêmio é concedido pelo Instituto Europeu de Inovação e Estratégias Criativas e foi entregue em Paris, durante o 2º Encontro Nacional dos Diretores de Inovação.

É casado com Maria Nair Decher Bondaruk, com quem tem quatro filhos.

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.