Uma carta aberta escrita em primeira pessoa e divulgada nas redes sociais vem causando comoção nos internautas que se solidarizaram com o drama dos gêmeos Davi e Pyetro, além de sua família. As crianças são autistas e necessitam de cuidados constantes. Os pais passam por dificuldades financeiras e problemas de saúde, confira abaixo:

“Nós somos os gêmeos Davi e Pyetro, temos 2 anos e 9 meses de idade, moramos na cidade de Cruzeiro do Iguaçu/PR com nossos pais Adailton e Kely.
Desde que nascemos tivemos muita dificuldade em nos comunicar com nossos pais, não olhamos nos olhos deles, não apontamos para o que queremos, ainda não falamos, demoramos muito para aprender andar e ainda não andamos com perfeição, também não gostamos muito de brincar com outras crianças e às vezes temos alguns comportamentos agitados, nestes momentos nossos papais tem dificuldade para nos acalmar pois não conseguimos explicar para eles o que está acontecendo.
Muitas crianças da nossa idade já conseguem ajudar ou até mesmo fazer muitas atividades no dia a dia, por exemplo: ir ao banheiro fazer as necessidades fisiológicas, trocar a roupa, tomar banho, comer, ajudar a guardar os brinquedos dentre muitas outras atividades. Mas, nós ainda não conseguimos, e isso acaba tomando muito tempo dos nossos papais durante o dia.
No final de 2019, tivemos uma consulta em Cascavel/PR com uma Neuropediatra, que nos diagnosticou com o Transtorno do Espectro Autista (TEA) Grau 3 (Que é o grau severo), não sabíamos o que era isso e nem entendemos o motivo da preocupação de nossos papais.
A preocupação de nossos pais é porque a médica explicou que precisamos de muitas terapias, com acompanhamento regular além de muitos outros exames, inclusive alguns que o SUS não cobre, que somado aos gastos com fraldas (pois ainda não aprendemos ir ao banheiro) acaba sendo um custo alto, ainda mais agravante por sermos dois.
Nosso papai tem um problema na perna decorrente de um acidente e também está em um acompanhamento pois teve leucemia a 8 anos atrás , e está sem trabalho. Nossa mamãe tem Lúpus, uma doença que até o momento não tem cura e apresenta episódios de crises intensas, o que também a deixou sem trabalho.e moramos de aluguel
Agradecemos do fundo do coração a todos que puderem doar qualquer valor para ajudar em nosso tratamento, nossos papais não tem condições de custear tudo neste momento e é importante que recebamos essas terapias e estímulos enquanto ainda somos bem pequenos, para que nosso cérebro tenha maior facilidade de absorção das informações e estímulos.
Todo o valor arrecadado será usado para nossas terapias, exames e os materiais/equipamentos necessários para realização de alguns estímulos em nossa casa.”

Link da vakinha :http://vaka.me/1226223

Conta para doações
Caixa Econômica Federal (Código Banco 104)
Agência: 0931
Operação: 013
Conta: 00078905-8
CPF: 095.205.509-09
Titular: Kely Maura da Silva Farias

________________________________________________________________
A Podologia Cambé esta instalada no Centro Comercial Canadá Localizado na Rua Holanda, 263 esquina com a Av Canada, Sala 311 no centro de Cambé, telefone: (43) 3254-7433 e WhatsApp: (43) 9.9918-7889
A Podologia Cambé esta instalada no Centro Comercial Canadá Localizado na Rua Holanda, 263 esquina com a Av Canada, Sala 311 no centro de Cambé, telefone: (43) 3254-7433 e WhatsApp: (43) 9.9918-7889

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.