Grupo mostra ritmo afro-brasileiro no Calçadão de Cambé

0
O Grupo LATA (Laboratório Aberto de Trabalho Artístico) mudou a rotina do Calçadão de Cambé durante apresentação que fez parte da programação do Festival de Música de Londrina, este ano em sua 30ª edição.
O LATA, que tem como base a percussão, mostrou um pouco dos resultados de estudo que desenvolve com diferentes ritmos afro-brasileiros, como o maracatu, o maculelê, o baião e o côco.
Coordenado pelos músicos Edgar de Abreu e Maurido Werner, o LATA foi fundado há cinco anos e faz apresentações para divulgar os ritmos que o grupo estuda e também repassa ensinamentos através de aulas com o grupo Latinha.
O espetáculo chamou a atenção dos cambeenses e teve, entre o público, um assistente especial. O governador Orlando Pessuti aproveitou a programação do Festival de Música em Cambé para assistir a apresentação do LATA.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Eu Aceito a Política de Privacidade

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.