Manchete nos Jornais deste Domingo, 17 de Janeiro de 2021

0

O Estado de S. Paulo

  • País perdeu em média 17 fábricas por dia nos últimos seis anos
  • Participação da indústria automotiva deve cair ainda mais
  • Queda da fatia do setor no PIB é fenômeno global
  • ‘Indústria cai de forma rápida e intensa’
  • Saída da Ford é 2ª onda de desindustrialização recente
  • Um rastro de desemprego
  • Brasileiro se adapta a ‘novo normal’
  • Perda de renda chegou a 25%
  • Petrobrás quer mudar gestão de plano de saúde
  • Papel do Estado e liberalismo viram alvo de debate
  • ‘História sugere aumento dos gastos e de regulações’
  • ‘Há sinais de mudança para um Estado mais condutor da economia’
  • No Brasil, analistas divergem sobre o futuro das políticas

‘NÃO VEJO ADVERSÁRIO PARA O BOLSONARO’

Vice-presidente diz que Bolsonaro é o governante mais atacado dos últimos anos, mas não vê chance de impeachment vingar.O vice-presidente Hamilton Mourão não identifica hoje nenhum adversário capaz de derrotar o presidente Jair Bolsonaro – nem o governador João Dória, tampouco o apresentador Luciano Huck, visto por ele como “fogo de palha”: “na hora H, sai fora”. “Aqui no Brasil, qualquer coisa é impeachment, né? Deixa o cara governar, pô!”, afirma o vice, para quem o País não está quebrado: “Foi uma figura de retórica”.O vice-presidente Hamilton Mourão é um leitor voraz. Aos 67 anos, recuperado de covid19, o general está lendo nove livros, entre eles Capitalismo na América, de Alan Greenspan e Adrian Wooldridge, que conta a história do desenvolvimento dos Estados Unidos. Filiado ao PRTB, o general defendeu a aliança do Planalto com partidos carimbados por Bolsonaro como “velha política”, na campanha de 2018. “Não tem como fugir do Centrão.”Todo mundo dá pitaco sobre Amazônia sem nunca ter pisado lá. Existem distâncias envolvidas enormes e uma desconexão com a área central do Brasil. Você só chega a Manaus de barco ou avião. Aí quando se fala em asfaltar a BR-319, porque é a única ligação terrestre de Manaus com o resto do País, (dizem) ‘Oh, céus, será a destruição da floresta’. Mas esquecem os milhões de pessoas que moram lá. Não tem UTI no interior do Amazonas.O governador Doria virou garoto-propaganda da vacina e acabou metendo os pés pelas mãos. Apareceu na TV para dizer que a vacina tinha um valor ‘x’ de eficácia, quando não era verdade. Em nenhum momento ele compareceu para se retratar. Isso não revela boa gestão. Bismarck, no século 19, dizia que, quando existem cinco potências dominantes, é importante que você esteja alinhado com três. Hoje, há duas potências dominantes (EUA e China), que estão se digladiando. Então, nós temos que saber nos posicionar, com pragmatismo. Não é uma questão de ligação pessoal. Não podemos entrar em brigas de varejo. As brigas têm de ser no atacado.

A conta das festas de fim de ano

Casal octogenário foi parar na UTI com covid-19 por causa de reunião em sítio e jovem descobriu doença após festa com irmã e primos. Nas últimas semanas, médicos notaram que famílias inteiras procuraram os serviços de saúde, contaminadas pelo novo coronavírus. Apesar dos cuidados, reuniões no Natal e no ano-novo deixaram marcas que já eram previstas por infectologistas. No Estado de SP, as internações subiram 19% entre 29 de dezembro e 12 de janeiro. E os números continuam em alta. Houve um aumento sensível. Há inúmeros casos de pai, mãe e filho contaminados. A covid não está só nas estatísticas: está dentro de casa. “O aumento do surto entre familiares e amigos nas últimas duas semanas é evidente”, diz a infectologista Rosana Richtmann, do Hospital Emílio Ribas. Houve aumento sensível em relação a semanas anteriores. Inúmeros casos de pai, mãe e filho contaminados. A influência desses casos no crescimento geral da pandemia ainda será observada nas próximas semanas.

Segurança colhida no campo

Se nenhum tropeço político impedir, o agronegócio brasileiro tende a ganhar importância, ano a ano, como supridor da crescente demanda global de alimentos.Mais um recorde na colheita de grãos, de 264,8 milhões de toneladas, deve ser alcançado na safra 2020-2021, segundo a nova estimativa do Ministério da Agricultura. Com a colheita já iniciada em Mato Grosso, principal Estado produtor, a soja deve ser mais uma vez a estrela principal. Sua produção, estimada em 133,7 milhões de toneladas, deve ser 7,9% maior que a da temporada anterior. Além de representar cerca de 50% da colheita anual de grãos, a soja continua sendo, com seus derivados, a maior fonte de dólares da agropecuária. Com exportação de US$ 100,81 bilhões, a segunda maior da série histórica, superada somente pelos US$ 101,17 bilhões de 2018, o agronegócio proporcionou quase metade – 48% – de toda a receita comercial do Brasil em 2020. Com US$ 52,69 bilhões de compras, os países da Ásia Oriental se mantiveram como principal destino regional das exportações de alimentos e matérias-primas originárias do agro. A China continuou sendo o número um, entre os países compradores, tendo importado produtos no valor de US$ 34 bilhões, cerca de um terço de todo o valor exportado pelo agronegócio brasileiro.

Veja 12 opções de contas para MEIs

O Brasil bateu em 2020 a marca de 10 milhões de microempreendedores individuais (MEIs) e, de olho nessa fatia do mercado, bancos tradicionais e fintechs (startups financeiras) passaram a customizar contas bancárias para atendê-los. Juntas, as instituições disputam esse empreendedor, que é quase pessoa física, muitos autônomos e profissionais liberais. O ‘Estadão PME’ reuniu agora 12 bancos com as facilidades oferecidas para você escolher o melhor. Em muitos, é possível abrir a conta pelo celular.

O Globo

  • País perdeu uma multinacional a cada três meses desde 2018
  • O impacto na vida profissional de quem ficou órfão das linhas de produção
  • Saída de estrangeiros vai da indústria ao varejo
  • Baixou filme pirata? A conta é alta e chega pelo correio
  • Especialistas se dividem sobre a proibição de despejos no Rio
  • Superação marca preparação para Enem da pandemia
  • Cidade em choque: Pico de mortes por Covid-19 leva moradores de Manaus ao desespero

Folha de S. Paulo

  • Quase metade do setor de transporte demite na crise, aponta levantamento
  • Análise – Eduardo Sodré: Fechamento de fábricas da Ford põe em dúvida futuro do setor no Brasil
  • Transporte público entra em crise estrutural
  • Em uma crise, se o governo não investir, ninguém vai investir
  • Governo estuda desoneração linear para gerar emprego
  • Índia começa a vacinar 300 milhões contra a Covid-19
  • Em janeiro, Brasil deve ter doses para só 30% do público inicial
  • Anvisa decide aval a vacinas no domingo; saiba como assistir

Quase metade do setor de transportes já fez cortes

Estudo da FGV indica que mais cortes virão, tanto em prestadoras de serviço quanto na indústria.Levantamento da FGV mostra que 45,9% das empresas de transportes rodoviários e 52,4% nos modais ferroviário, aéreo e aquaviário demitiram em 2020, sob efeito da pandemia. No setor automotivo, em torno de 45% das indústrias fecharam vagas.Parte dessas companhias ainda prevê cortes neste semestre.Trabalhadores que atuam em empresas do ramo de serviços em transportes viram colegas perder o emprego em quase a metade das companhias em 2020.Na indústria automotiva, o corte foi semelhante, em torno de 45%.Em ambos os casos, parte das companhias ainda prevê demitir empregados neste primeiro semestre.Essas empresas dependem da circulação de pessoas e mercadorias, comprometida com as restrições sociais impostas pelo novo coronavírus, cujos casos estão em ascensão novamente.

REGALIAS DE CHEFES DO CONGRESSO VÃO DE CAFÉ PREMIUM A MANSÃO

Além de residências em área nobre, cargos dão direito a batalhão de funcionários e voos da FAB. O esforço extra é considerado válido pelos postulantes que disputam a chefia do Legislativo, levando-se em conta os superpoderes políticos que chegam com a vitória.Embora nenhum deles vá reconhecer publicamente, também está no radar a série de benesses que adquirem ao ser eleitos, como uma mansão às margens do lago Paranoá, jatinhos à disposição e uma série de funcionários para abrir as portas para eles. O benefício considerado mais importante é o fato de poderem usar livremente aviões da FAB (Força Aérea Brasileira), fugindo de aeroportos, check-ins e espera em saguões lotados. O uso é ilimitado, bastando aviso com poucas horas de antecedência para a preparação.

Capa das Revistas

________________________________________________________________
A Podologia Cambé esta instalada no Centro Comercial Canadá Localizado na Rua Holanda, 263 esquina com a Av Canada, Sala 311 no centro de Cambé, telefone: (43) 3254-7433 e WhatsApp: (43) 9.9918-7889
A Podologia Cambé esta instalada no Centro Comercial Canadá Localizado na Rua Holanda, 263 esquina com a Av Canada, Sala 311 no centro de Cambé, telefone: (43) 3254-7433 e WhatsApp: (43) 9.9918-7889

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.