Os prefeitos da Região Norte do Paraná elogiaram a iniciativa do governador Orlando Pessuti em promover a descentralização da administração do governo em Londrina, que nesta quinta-feira (10) se transformou na capital cívica do Estado. Esta é a quarta etapa da interiorização do governo, que tem como objetivo aproximar a administração estadual das prefeituras do interior.

O prefeito de Londrina, Barbosa Neto, disse se sentir honrado por ser o anfitrião na Região Norte, já que a cidade é a segunda maior do Paraná e a terceira do Sul do País. “É uma demonstração do prestígio que Londrina tem e da consideração do governador com a cidade”, comentou o prefeito, destacando que os investimentos na Região Norte vão combater “gargalos históricos”.

Para o prefeito de Santa Cecília do Pavão, Edmar Aparecido Pereira dos Santos, a descentralização é uma forma de o governo estar mais perto dos cidadãos, ouvindo as lideranças e, junto delas, eleger as prioridades para a região. “Cada município tem suas prioridades. Nem sempre o que é bom para Curitiba é bom para o restante do Estado. Com a interiorização, é possível ver essas peculiaridades e aplicar corretamente os recursos”, destacou Santos.

Michel Bontempo, prefeito de Assaí, salientou que o “governo itinerante” garante o acesso das pequenas prefeituras do interior à administração estadual. “Isso nos dá credibilidade, porque o governo pode ver de perto as nossas necessidades”, explicou. A afirmação é reforçada pelo prefeito de Salto do Itararé, Israel Domingos, que disse ser uma forma de o interior estar mais perto do governo e ter suas reivindicações ouvidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.