Manter os ambientes arejados é uma importante maneira de prevenir a transmissão da gripe A. O alerta é da Secretaria estadual da Saúde para que a população mantenha as janelas e portas das residências e dos ambientes de trabalho bem abertos, assim como manter os hábitos de higiene como, por exemplo, lavar as mãos com água e sabão com freqüência ou realizar assepsia das mãos com álcool gel nas atividades diárias.

“Mesmo com uma incidência menor da doença é indiscutível a importância da prevenção. Com o frio a tendência é de que os ambientes fiquem fechados, mas é imprescindível que cada um faça sua parte e na medida do possível mantenha os ambientes arejados. Esta é uma prática que evita muitas doenças, não apenas a gripe A”, disse o secretário da Saúde, Carlos Moreira Júnior.

O pneumologista da Secretaria, Jonatas Reichert, reitera a importância da circulação do ar. “Manter os ambientes internos bem ventilados, com ar natural pelo maior tempo possível, evitando o uso do ar condicionado é uma forma importante de combater a doença nessa época do ano”, afirma. De acordo com ele, a grande concentração de pessoas em ambientes fechados, agora no frio, tende a aumentar e isso pode ser um importante fator na propagação do vírus já que ele pode ser transmitido com mais facilidade devido à proximidade das pessoas.

Reichert lembra que, nessa época do ano, o organismo fica mais frágil devido às variações climáticas, da umidade e do frio o que pode levar as pessoas a ficarem mais suscetíveis à doença. “Por isso, é importante que todos mantenham as recomendações amplamente divulgadas para evitar a contaminação do vírus, além de outras doenças respiratórias típicas nessa época do ano”, completa o médico.

Ele faz um outro alerta relacionado ao uso do ar-condicionado. “Algumas pessoas, devido ao frio, ligam o ar-quente, o que acaba fazendo com que as mucosas fiquem muito secas e, perdendo a umidade, deixem de ser uma barreira importante de defesa contra o vírus e bactérias”, informa. Segundo ele, é fundamental manter um recipiente de água no local, o que propicia a umidificação daquele ambiente e ajuda a reforçar as defesas do organismo. Outras medidas como se manter bem agasalhado, protegendo os pés, mãos e a cabeça são formas de evitar doenças.

NÚMEROS – A Secretaria divulgou nesta terça-feira (3) o 12.º boletim epidemiológico sobre a gripe A no Estado. De acordo com o boletim, desde o início do ano, foram notificados 5.942 casos, desses 1.623 foram confirmados e outros 3.125, descartados. Devido a complicações em seus quadros clínicos, 16 pacientes morreram.

As regiões com o maior número de casos confirmados são Maringá (630), Londrina (508), Curitiba e Região Metropolitana (202). Neste boletim a Secretaria de Saúde também retificou informações do último boletim cujos dados estavam duplicados. Desta forma o número de casos confirmados em gestantes teve uma queda de 77 para 46.

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.