Uma massa de ar seco e quente continua influenciando as condições do tempo no Paraná. As temperaturas hoje (26) seguem elevadas, e os índices de umidade relativa do ar baixos. As chuvas permanecem restritas ao Rio Grande do Sul e ao sul de Santa Catarina.

Segundo o meteorologista do Instituto Tecnológico Simepar Lizandro Oliveira, o que tem chamado a atenção nos últimos dias, além do calor e da baixa umidade, é a grande amplitude térmica, ou seja, a diferença entre as temperaturas mínimas e máximas, que tem chegado a 20 graus Celsius (°C). A expectativa hoje é que as temperaturas sejam semelhantes às de ontem (24), quando as máximas superaram os 34°C em várias estações meteorológicas do Simepar. No município de Assis Chateaubriand, os termômetros marcaram 35,8°C

Na última terça-feira (24) Curitiba registrou a temperatura mais alta para um mês de agosto (30,5°C). No meio da tarde, os índices de umidade relativa do ar estavam entre 20% e 30% em todo o Paraná e abaixo de 20% em oito cidades, o que é considerado estado de alerta pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Até ontem, o Corpo de Bombeiros já havia contabilizado um total de 6.046 atendimentos a incêndios ambientais em todo o estado. Durante o ano passado foram 7.198 incêndios florestais que destruíram 17.087 hectares. A Defesa Civil já constata este ano uma perda de 6.898 hectares em consequência de queimadas.

O dia permanece parcialmente nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas no oeste e planalto sul de Santa Catarina. Há previsão de chuvas fortes em áreas isoladas do Rio Grande do Sul.

Na Região Sul, as temperaturas devem variar entre a mínima

Portal Cambé, site de informações e serviços de Cambé – PR.

Responda

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.