Prefeitura faz a descontaminação de lâmpadas fluorescentes

1

A Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente vai realizar no dia 15 de setembro o descarte ecologicamente correto de 2500 lâmpadas fluorescentes provenientes dos prédios públicos da cidade. A prefeitura pretende reunir na ocasião representantes de diversos segmentos comerciais, associações de moradores e autoridades para uma demonstração do processo de descontaminação e reciclagem das lâmpadas. O objetivo é mobilizar a sociedade para o cumprimento da Lei que estabelece a Política Nacional de Resíduos Sólidos que prevê que cada integrante da cadeia produtiva é responsável pela destinação correta dos resíduos que produz.

A prefeitura contratou uma empresa especializada e licenciada pelo Instituto Ambiental do Paraná para realizar o descarte das lâmpadas.
A descontaminação de lâmpadas fluorescentes é extremamente importante devido aos prejuízos à saúde causados pelo descarte incorreto. As lâmpadas fluorescentes funcionam à base de vapores de mercúrio, metal altamente tóxico que pode contaminar o solo, animais e pessoas. Quando inalado, o vapor de mercúrio pode causar bronquite aguda e cefaléia ou danos mais sérios como insuficiência renal e edema pulmonar. No Brasil, apenas 6% do volume total de lâmpadas desse tipo tem a destinação correta, o restante é descartado em aterros, lixões ou em terrenos abandonados causando grandes prejuízos ao meio ambiente e à saúde pública.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Eu Aceito a Política de Privacidade

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.