O desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná, Antônio Loyola Vieira concedeu na data de sexta-feira ( 26), um habeas corpus concedendo liberdade ao motorista do veículo VW Polo que provocou o acidente que vitimou uma família em um acidente registrado no dia 30 de setembro na PR 445 próximo ao Distrito da Warta.
Segundo o desembargador, o acusado Ricardo Martins Morais, 39 anos, deverá cumprir algumas exigências como, comparecer ao fórum sempre que solicitado, não deixar a cidade, avisar a justiça em caso de mudança de endereço e não manter contato com testemunhas. A carteira de habilitação de Ricardo será suspensa.
No acidente provocado pelo motorista morreram na hora 4 pessoas de uma mesma família (Adna Simões, Fernando Alfonso e as filhas Sofia e Poliana) que estavam em um veículo Renault Megane.
O condutor do caminhão em que Ricardo bateu, também morreu na madrugada do último dia 24 de outubro, devido a complicações de saúde que teve após o acidente.  No dia do acidente, Luiz Carlos de Miranda foi atendido e levado à  Santa Casa em Cambé, sendo liberado, horas após o fato, porém teve complicações com o passar dos dias. O homem foi internado, mas acabou morrendo em um hospital de Londrina.
Londrina News

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.